Procurar
Close this search box.
Dieta vegana tem impacto positivo (Foto: Pixabay)

Dieta vegana tem impacto positivo (Foto: Pixabay)

Sustentabilidade e ESG

Entenda!

Alimentação vegana reduz impacto ambiental em 75%

Emissões, poluição da água e uso da terra tem impacto mais positivo com dieta sem origem animal

Conduzido pelo projeto Pecuária, Meio Ambiente e Pessoas (LEAP) da Universidade de Oxford, um estudo importante publicado na revista Nature Food analisou as dietas de 55.504 pessoas e revisou 38.000 fazendas em 119 países. Os resultados revelaram que as dietas veganas estão ligadas a uma notável redução nos impactos ambientais, abrangendo desde o uso da terra e da água até as emissões e a poluição.

Os cientistas afirmam que dietas com base em produtos de origem animal causaram impactos ambientais mais significativos do que aquelas com menor consumo animal. Comparadas com dietas de alto consumo de carne (mais de 100g por dia), as veganas registraram aproximadamente 75% menos emissões e uso da terra.

Além disso, as dietas veganas apresentaram uma redução de cerca de 54% no uso de água e aproximadamente 73% menos poluição hídrica por escoamento, além de um impacto menor na biodiversidade.

Peter Scarborough, principal autor do estudo e professor do Nuffield Department of Primary Care Health Sciences em Oxford, afirmou: “Nossas escolhas alimentares têm um grande impacto no planeta. Reduzir a quantidade de carne e laticínios em sua dieta pode fazer uma grande diferença em sua pegada alimentar”.

Em resumo, as dietas veganas resultaram em aproximadamente um terço do impacto ambiental das dietas de alto consumo de carne. Consumidores de menos de 50 gramas diárias de carne experimentaram cerca de 30% menos impacto em várias categorias em comparação com aqueles que consumiram 100 gramas ou mais por dia.

“Mesmo nos ‘piores cenários’, onde a maioria dos alimentos que são consumidos em dietas com baixo teor de carne são produzidos por métodos com alto impacto ambiental e a maioria dos alimentos que são consumidos em dietas com alto teor de carne são produzidos com métodos de baixo impacto, dietas com baixo teor de carne ainda têm substancialmente menor impacto ambiental”, concluiu Scarborough.

Estudos anteriores, incluindo pesquisas de 2021 e 2023, ressaltaram os impactos ambientais significativos da produção de alimentos e criação de gado. A análise mais recente demonstra que reduzir o consumo de carne pode resultar em reduções substanciais nos impactos ambientais.

Mais lidas

plugins premium WordPress