Procurar
Close this search box.
(Foto: Reprodução/TikTok)

(Foto: Reprodução/TikTok)

Notícias

Após tragédias, Anvisa proíbe produtos à base de fenol; entenda

Anvisa proibiu a importação, fabricação, manipulação, comercialização, propaganda e uso de produtos de fenol.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou a resolução 2.384/2024, que proíbe a “importação, a fabricação, a manipulação, a comercialização, a propaganda e o uso de produtos à base de fenol em procedimentos de saúde em geral ou estéticos”. Essa medida foi tomada após a morte de duas pessoas em decorrência do uso dessa substância.

No dia 19 de junho, uma mulher de 39 anos foi encontrada morta em sua residência em Vitória (ES). Segundo informações da família, a suspeita é que ela tenha falecido devido à aplicação de peeling de fenol, realizada sozinha em casa.

Algumas semanas antes, Henrique Silva Chagas, um empresário de 27 anos, também faleceu após se submeter a um peeling com fenol. No caso dele, a substância foi aplicada por uma influenciadora que havia aprendido a técnica por meio de um curso em PDF de 42 páginas.

Esses incidentes levaram a Anvisa a tomar medidas rigorosas para evitar novos casos, resultando na publicação da resolução que restringe o uso de produtos à base de fenol em atividades estéticas.

Peeling de fenol: Especialistas explicam riscos e contraindicações do procedimento

peeling de fenol é um procedimento estético poderoso, utilizado para tratar rugas profundas, cicatrizes de acne e outras irregularidades da pele. Apesar de sua eficácia, esse tratamento não é isento de riscos e possui várias contraindicações que devem ser cuidadosamente consideradas. Em entrevista exclusiva ao FEED, as biomédicas Charlene Miranda e Tamiris Gonçales esclareceram sobre o assunto e tiraram algumas dúvidas.

“Peeling de fenol é uma substância química, tóxica dependendo também da concentração em que ela é utilizada”, informa Tamiris Gonçales.

Charlene esclarece sobre quais profissionais são qualificados para essa prática: “Biomédicos podem fazer, existe uma porcentagem de até 20% para eles poderem fazer o peeling de fenol. Esteticistas não podem fazer. E ato médico, né?”, explica. “Peeling de fenol pode causar problemas nos rins, cardíacos”, ela alerta os riscos.

Tamiris chama atenção para a necessidade da realização de exames prévios: “Para fazer o peeling de fenol é necessário exames laboratoriais, como os exames de marcadores renais, precisa fazer exames cardíacos. Quando for fazer a execução do procedimento é necessário que o ambiente tenha equipamento caso tenha um intercorrência na hora da aplicação”.

Charlene ainda comenta sobre a qualificação profissional e como os procedimentos estéticos tem sido banalizados: “O que acontece no mercado da área da estética é porque tem um diploma, um certificado online, se acham por direito estar executando esses procedimentos, entre outros”.

“Procurar, pesquisar, saber sobre o profissional, sobre o lugar em que você está indo. Para fazer qualquer tipo de procedimento, você tem que pesquisar onde você está indo, com quem você está passando, sentir segurança, vai numa pré-consulta”, indica a biomédica. 

Mais lidas

plugins premium WordPress